Geodésia e Topografia são as bases fundamentais  para a geração de mapas, cartas, também para realizar medições terrestres através delas é possível representar matematicamente toda e qualquer feição posicionada no globo terrestre. Utilizando a cartografia, estabelece-se um sistema de projeção cartográfica para a representação planificada do mapeamento. As duas se diferem basicamente pela extensão de área de projeto, sendo que a topografia é aplicada a áreas de até 10 Km de largura. A partir disso, considera-se a curvatura da Terra para realizar qualquer medição, já que a topografia utiliza como base matemática a geometria analítica clássica, considerando a  Terra como um plano. Já a geodésia utiliza o cálculo diferencial e integral para a resolução dos problemas considerando a curvatura da Terra.

 

PRINCIPAIS APLICAÇÕES:

- Levantamento de barragens, redes elétricas, telefônicas, hidráulicas;
- Cálculo de volume de aterro, terraplenagem;
- Planta topográfica de lotes e áreas edificadas;
- Mapeamento de lavouras, áreas de preservação permanente;
- Levantamento e Georreferenciamento de imóveis rurais, baseado na Lei 10.267;
- Mapas rurais com laudo, para fins de cadastro de imóvel rural (CCIR);
- Pontos de controle para georreferenciamento de imagens de satélite, aerotriangulação, e apoio geodésico de qualquer finalidade;
- Levantamentos de  áreas Urbanas;
- Pontos de controle para georreferenciamento de imagens de Satélite;
- Locação de obras e estradas entre outros.